Desonestidade.

Você é Honesto? - perguntei a uma amiga minha.
Comigo mesma? - ela respondeu.

eu te pergunto; Você é honesto?

Quando eu era criança lembro-me de ter quebrado um vaso de minha professora e culpado uma outra criança deficiente.
Eu te acuso de desonestidade.
Perguntei ao Rex se ele era honesto. Ele foi categórico. "-Não"
e ainda completou dizendo " -Meu pai disse pra que eu nunca mentisse, mas ele se esqueceu de dizer a verdade."

As veses acho que Honestidade não existe, alguém inventou essa palavra, pra quem em poesia você substitua com uma palavra algo que sente falta, como amor, caridade, bondade.

Tem um texto melhor que fala sobre isso clique aqui seu desonesto.
COMPARTILHAR:

+1

Desonestidade.

Você é Honesto? - perguntei a uma amiga minha.
Comigo mesma? - ela respondeu.

eu te pergunto; Você é honesto?

Quando eu era criança lembro-me de ter quebrado um vaso de minha professora e culpado uma outra criança deficiente.
Eu te acuso de desonestidade.
Perguntei ao Rex se ele era honesto. Ele foi categórico. "-Não"
e ainda completou dizendo " -Meu pai disse pra que eu nunca mentisse, mas ele se esqueceu de dizer a verdade."

As veses acho que Honestidade não existe, alguém inventou essa palavra, pra quem em poesia você substitua com uma palavra algo que sente falta, como amor, caridade, bondade.

Tem um texto melhor que fala sobre isso clique aqui seu desonesto.